Anúncios !!!


Cat-1

Cat-2

Anúncios!!!


Poesia

ColunaDireita

Catago Vazio2

Coluna Filosofia


ANÚNCIOS!!!


» » Lia Finn: Céu de Lakshmi

Padma


Decantada alma padma
na palma de Jaguannatha
pelas gotas do Ganges
em preces pelas monções
há provações do Karma
a caminho do Dharma
como avalanches do Himalaia
pelos braços de Shiva
nas estações dos tempos
das provisões da aurora
carruagem de Surya
decantada alma padma


Lia Finn
















Odissi

Deflexões do corpo em dádiva: flores à Mãe Terra.
Ritmo em celestial invocação,
bençãos na fluidez das mãos,
sinuosos movimentos,
vibra mahari,
mahari, vibra.
Oscila pela dualidade
em pés seguros por rotações profundas.
Do fino brilho do sari, espalham-se sorrisos de Ganesha,
ritual em movimento
das virtudes expressas: símbolos
entre tambores de címbalos.
Cores do mundano sobre o sagrado,
libertação da alma,

moksha em olhos de kajal.

Lia Finn




Foto e Arte de Isabel Furini
Céu de  Lakshmi  e  Pérolas de Vishnu                  

Estou  aqui,
contemplo
o homem
a  caminhar lado a lado.
Estou  aqui,
contemplo
 o homem
a secar o orvalho  do pranto.
Estou  aqui,
contemplo
 o homem
a  partilhar o pão da vida.
Estou aqui,
contemplo
 o homem
A  colher os frutos da semeadura.
Estou aqui,
contemplo
a mulher
a receber a miríade
de estrelas,
torrente do gozo,
transbordando pérolas,
diamantes e cristais vivos
para o céu.
Estou aqui,
sou a mulher,
braços abertos, o abraço
lábios entreabertos, o beijo.
Estou aqui,
sou a mulher
a receber o homem na alegria do corpo,
na paz da alma.
Estou aqui,
sou a mulher Lakshmi-Sita,
contemplo o homem Vishnu-Rama,
encontro cósmico
a dançar a criação.
Corpos nus....
Almas entregues e libertas.....
Pérolas de Vishnu percorrem o céu de Lakshmi,
nascem estrelas.

Lia Finn  - abril de 2011







LIA FINN: Gaúcha de Passo Fundo, radicada em Curitiba desde a infância. Formada pela Universidade Federal do Paraná em Psicologia, pós graduada em Psicodrama e especialista em Neuropsicologia, atua em psicologia clínica desde 1994. Como escritora e poeta participa de grupos, coletivos, oficinas, feiras e saraus de literatura em Curitiba desde 2010. Da paixão pela neuropsicologia e a arte criou a oficina de poesia Poesia em Neuroimagem. Sob as Cores de Miró, Contos, Poesia e Palimpsestos, foi a obra escolhida para ser a sua primeira publicação, que traz também seu trabalho nas artes plásticas, através das ilustrações do livro que dialogam com a obra do artista catalão Joan Miró, lançado em julho de 2015, Arte Editora.
«
Próxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Editor da Revista Carlos Zemek

Curador e Artista Plástico.
Membro da Academia de Cultura de Curitiba - ACCUR.

Nenhum comentário

Faça um Comentário!



ANÚNCIOS!!!


Eventos Culturais

Conuna1Inferior

Catalogo Vazio3

Anúncios!!!

Livros Digitais